TWITTER DEVE GANHAR REAÇÕES, SEGUINDO EXEMPLO DO FACEBOOK

Anúncios

Segundo uma imagem postada no Twitter pela pesquisadora Jane Manchun Wong, o Twitter está planejando inserir reações, como de risos e tristeza, aos posts em sua plataforma. A imagem indica que o código para as reações já está sendo implementado, mas por enquanto, a função continua escondida para os usuários. Wong é conhecida por vários vazamentos sobre a rede social, que ela descobre usando engenharia reversa.

As reações do Twitter devem ser parecidas com as reações já disponíveis no Facebook, como Curtir, Haha, Uau, Triste e Grr, com emojis correspondentes. No caso do Twitter, as reações mostradas na imagem são Likes, Cheer, Hmm, Sad e Haha (Curtir, Parabéns, Hmm, Triste e Haha em tradução livre). As reações parecem ser animadas, e diferente do Facebook, a animação continua depois que a pessoa clica no emoji. Atualmente, a rede social conta apenas com uma reação, Curtir.

Anúncios

Como Wong apontou, Cheer e Sad aparecem como coração, o que indica que o Twitter ainda está trabalhando no código para emojis correspondentes para essas duas reações. Há meses já haviam rumores de que o Twitter estava trabalhando numa função de reações, o que faz sentido considerando a variedade de conteúdo postado na plataforma. E era estranho mesmo reagir a um tuíte de cachorro perdido ou parente precisando de doação de sangue com um coraçãozinho.

Dúvidas sobre as reações

Mesmo com o vazamento da imagem, ficam algumas dúvidas. A reação Hmm, por exemplo, vai querer dizer que um tuíte é interessante, duvidoso, curioso? Na situação atual do mundo, também era de se esperar que o Twitter acrescentasse uma reação de raiva como o Grr do Facebook. Mas uma coisa parece certa, a rede social não tem planos para lançar uma reação “Dislike”, como disponível no YouTube.

Anúncios

Além da novidade das reações, o Twitter também está lançando em breve uma versão paga da plataforma, o Twitter Blue, que também teve seus detalhes revelados por Jane Manchun Wong. A rede social também está criando uma versão paga dos Spaces, sua ferramenta de áudio criada para concorrer com o Clubhouse. O Twitter já liberou o Spaces gratuitamente para quem tem 600 seguidores ou mais, mas na versão paga será possível vender ingressos para os bate-papos mais concorridos.

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: